PUBLICIDAD
PUBLICIDAD
Internacional

Cinco coisas que você precisa saber para começar o dia

Veja as notícias do final de semana e o calendário desta terça-feira (10) para ficar ligado nos principais eventos do dia

Todos os olhos nos dados de inflação
Por Eddie van der Walt
10 de Maio, 2022 | 08:45 am

Bloomberg — Alerta de inflação, sem veto do petróleo e pesquisa MLIV Pulse.

1. Teste de inflação

Parece que nenhum outro número importa tanto para os mercados quanto a inflação, com os comerciantes se preparando para novos dados dos EUA amanhã e a avaliação do presidente Joe Biden hoje. O número por lá está bem acima da meta de inflação do Fed, mas pode haver um adiamento: os economistas prevêem uma inflação anual de 8,1% em abril. Embora possa ser excessivamente alto, representaria um resfriamento da pressão. Por sua vez, o Fed alertou para o risco de restringir a liquidez nos principais mercados financeiros em meio à guerra na Ucrânia e à política monetária.

PUBLICIDAD

2. Veto ao petróleo

As negociações da UE sobre a proibição do petróleo russo continuam, com a Hungria sob crescente pressão para não usar seu veto ao plano. O petróleo caiu depois que o bloco afrouxou sua proposta de sanções, descartando uma proposta para proibir navios de propriedade europeia de transportar petróleo russo. O Banco Europeu de Reconstrução e Desenvolvimento disse que espera que a economia da Ucrânia contraia 30% este ano, assumindo que a guerra termine. A UE está discutindo uma questão de dívida conjunta para fornecer fundos ao país e ajudar a cobrir o déficit orçamentário de US$ 7 bilhões por mês de Kiev. Biden assinou uma legislação que acelerará o fornecimento de armas dos EUA para a Ucrânia, enquanto os democratas elaboraram um pacote de ajuda de US$ 40 bilhões.

3. Pesquisa de sentimento MLIV

A rainha Elizabeth II perderá a abertura do Parlamento pela terceira vez na terça-feira, lançando uma sombra sobre a tentativa do primeiro-ministro Boris Johnson de reviver seu mandato no Reino Unido. Muitos ativos do Reino Unido sofreram e na semana passada o Banco da Inglaterra apresentou a perspectiva mais dovish dos principais bancos centrais. Portanto, é apropriado que o Reino Unido seja o tema da pesquisa MLIV Pulse desta semana. Quais são os próximos níveis para os rendimentos da libra e do Reino Unido? Qual banco central comunicou melhor as políticas e orientações futuras durante a crise inflacionária global?

4. As ações se recuperam

É um bom dia para ações globais (até agora). Os ganhos em toda a Europa se espalharam com a maioria dos índices de ações recuperando cerca de metade das perdas de segunda-feira. Os aumentos são generalizados, mas são liderados pelos setores de construção, automotivo e bancário. Os futuros de S&P subiam mais de 1% às 7h40, horário de Brasília. Os títulos avançavam, com os rendimentos do Reino Unido liderando o caminho.

PUBLICIDAD

5. Também hoje...

Biden fala sobre inflação às 10h30. A lista de funcionários do Fed que devem falar hoje começa com John Williams às 7h40, seguido por Thomas Barkin, Christopher Waller, Neel Kashkari e Loretta Mester. Há também três membros do BCE na agenda de hoje.

Biden fala sobre inflação às 10h30. A lista de funcionários do Fed que devem falar hoje começa com John Williams às 7h40, seguido por Thomas Barkin, Christopher Waller, Neel Kashkari e Loretta Mester. Há também três membros do BCE na agenda de hoje.

-Com a colaboração de Heather Burke, Michael Read e Lorcan Roche Kelly

Últimas Brasil
PUBLICIDAD