Agro

EUA identificam novos casos de gripe aviária na Pensilvânia e em Utah

Gripe aviária afetou mais de 24 milhões de aves selvagens, comerciais e de quintal desde meados de janeiro

O preço dos ovos processados, usados na forma líquida ou em pó em tudo, desde massa de bolo até batatas fritas
Por Akayla Gardner
16 de Abril, 2022 | 06:24 PM

Bloomberg — Novos casos de gripe aviária foram detectados em um rebanho comercial de frangos na Pensilvânia e em um rebanho de quintal em Utah, informou o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) neste sábado (16), no que é um dos piores surtos da história do país.

PUBLICIDAD

A gripe aviária afetou mais de 24 milhões de aves selvagens, comerciais e de quintal desde meados de janeiro e o vírus está elevando o preço dos ovos e aves. O preço dos ovos processados, usados na forma líquida ou em pó em tudo, desde massa de bolo até batatas fritas, atingiu recordes e está aumentando os custos de produção de uma ampla gama de marcas de alimentos, além da pressão inflacionária existente.

Os agricultores do Centro-Oeste, onde está localizada grande parte da oferta de ovos e aves do país, foram particularmente atingidos. Os casos mais recentes foram encontrados no condado de Lancaster, na Pensilvânia, e no condado de Utah, em Utah, informou o USDA.

PUBLICIDAD

Animais infectados, incluindo galinhas e perus, são frequentemente mortos para evitar a propagação do vírus. O USDA está investigando uma nova vacina para combater a gripe. Detecções recentes não representam uma preocupação imediata de saúde pública para os seres humanos, de acordo com os Centros dos EUA para Controle e Prevenção de Doenças.

Mais de 50 milhões de frangos e perus morreram do vírus altamente patogênico ou foram despovoados durante um surto anterior entre 2014 e 2015. Isso custou à economia dos EUA cerca de US$ 3,3 bilhões em perdas, de acordo com uma avaliação do USDA.

PUBLICIDAD

Leia também

Estagiários estão ganhando mais de US$ 16.000 por mês em Wall Street

Cannabis no Uruguai: As lições para a América Latina sobre uma lei histórica

Últimas BrasilAvesGripe Aviária
PUBLICIDAD