Mercados

Ibovespa interrompe sequência de quedas e fecha em alta com Vale e siderúrgicas

After Hours: Principal índice de renda variável encerrou o pregão em alta de 1,05%, aos 109.349 pontos; já o dólar recuou, a R$ 4,96

After hours
27 de Abril, 2022 | 05:21 PM

Bloomberg Línea — Interrompendo sete pregões consecutivos de queda, o Ibovespa (IBOV) fechou no azul nesta quarta-feira (27), impulsionado pelos papéis da Vale (VALE3), que subiram 5,35%, a R$ 82,17. O principal índice de renda variável da Bolsa brasileira avançou 1,05%, negociado aos 109.349 pontos.

PUBLICIDAD

O movimento positivo foi visto em demais ações do setor de siderurgia, como Gerdau (GGBR4), com alta de 6,01%, CSN (CSNA3), que subiu 4,58%, e Metalúrgica Gerdau (GOAU4), que avançou 5,08% na B3 nesta quarta após expectativas positivas sobre o pacote de estímulos econômicos anunciados pela China. Hoje (27), a Vale divulga seus resultados referentes ao primeiro trimestre logo após o fechamento.

Ainda na Bolsa, lideraram as perdas nesta quarta as ações de Hapvida (HAPV3) e Méliuz (CASH3), que caíram 5,84% e 2,58%, respectivamente. Já o dólar, que chegou a ser negociado a R$ 5,00 na terça-feira, recuava nesta quarta, negociado a R$ 4,96.

PUBLICIDAD

No âmbito doméstico, destaque ainda para dados de inflação de março, com alta de 1,73% do IPCA-15, prévia da inflação oficial, quase dobrando a variação anterior, de 0,95%. A forte alta para o indicador – a maior para o mês de março desde 1992 – deve-se, principalmente, à alta dos combustíveis em meio à guerra na Ucrânia, segundo o IBGE.

Confira como fecharam os mercados nesta quarta-feira (27):

PUBLICIDAD

Cena externa

Apesar do dia positivo para as bolsas globais, a crise energética da Europa, a luta da China para suprimir a covid e um Federal Reserve agressivo conspiraram para levar as principais bolsas da Europa e dos Estados Unidos ao seu nível mais baixo desde meados de março nesta semana.

Em Wall Street, ganhos na Microsoft (MSFT) com resultados melhores do que o esperado ajudaram a elevar o ânimo após a queda impulsionada pelo setor de tecnologia no pregão anterior (26). Mesmo assim, a Nasdaq fechou próxima da estabilidade nesta quarta, no menor patamar para o ano.

Os investidores analisam se os resultados das empresas de tecnologia provam que a intensa venda em abril foi equivocada.

PUBLICIDAD

A Alphabet (GOOG) caiu 3,75% nesta quarta após reportar vendas decepcionantes, enquanto a Meta (FB) apresentará seu balanço após o fechamento do mercado.

-- Com informações da Bloomberg News

PUBLICIDAD

Leia também:

Seguros dos carros mais vendidos do país custam até R$ 18,3 mil; veja preços

Agrishow: A ideia, a queda e a retomada da maior feira agro da América Latina

Últimas BrasilIbovespaJurosDólarBloomberg LíneaAções
Mariana d'Ávila

Mariana d'Ávila

Redatora na Bloomberg Línea. Jornalista brasileira formada pela Faculdade Cásper Líbero, especializada em investimentos e finanças pessoais e com passagem pela redação do InfoMoney.

PUBLICIDAD