Mercados

Petróleo sobe com melhora do humor global, com traders de olho na China

Indicadores do maior consumidor de petróleo do mundo mostraram o impacto das restrições contra o vírus na demanda por combustíveis no país

O WTI para entrega em junho subia 0,8%, para US$ 115,06 o barril às 7h37, horário de Brasília
Por Alex Longley
17 de Maio, 2022 | 08:08 AM

Bloomberg — Os preços do petróleo alcançavam a mais longa série de ganhos diários desde fevereiro, com traders pesando a força nos principais mercados de produtos petrolíferos e com a China continuando a lidar com o surto de vírus.

PUBLICIDAD

O West Texas Intermediate (WTI) era negociado perto de US$ 115 por barril, depois de subir cerca de 14% nas quatro sessões anteriores. Os preços da gasolina no varejo dos EUA chegaram a US$ 4,50 o galão pela primeira vez, apenas algumas semanas antes da temporada de verão. Isso ocorre em meio a um aperto generalizado nos mercados de produtos petrolíferos em todo o mundo.

Enquanto isso, na China, Xangai não registrou novas infecções por covid-19 na comunidade em geral pelo terceiro dia consecutivo, atingindo um marco crucial que as autoridades disseram que permitirá que elas comecem a diminuir as restrições punitivas. Ainda assim, uma parte do distrito de Fengtai, em Pequim, ficará isolada em algumas áreas por sete dias, ressaltando a contínua batalha do país contra o vírus.

PUBLICIDAD

O petróleo subiu mais de 50% este ano em negociações extremamente voláteis, à medida que a guerra na Ucrânia apertou a oferta, enquanto a demanda fora da China, atingida pelo vírus, aumentou. O aumento da inflação global e um nascente ciclo de aumento da taxa de juros também fizeram o petróleo balançar com as fortunas de mercados mais amplos, que estavam adotando um apetite por risco na terça-feira (17).

“A perspectiva de uma recuperação na demanda chinesa, se eles conseguirem controlar o vírus, adicionará outra camada de suporte de preços”, disse Ole Hansen, chefe de estratégia de commodities do Saxo Bank. Os movimentos de preços foram limitados na terça-feira “com a tendência de baixa e alta sendo relativamente igual agora”, acrescentou.

PUBLICIDAD

Preços do petróleo

  • O WTI para entrega em junho subia 0,8%, para US$ 115,06 o barril às 7h37, horário de Brasília
  • O Brent para liquidação de julho avançava 0,9%, para US$ 115,28.

Na Europa, uma proposta da União Europeia para proibir as importações de petróleo russo em resposta à invasão da Ucrânia pelo presidente Vladimir Putin foi adiada em meio à oposição da Hungria. Josep Borrell, chefe de política externa do bloco, disse que os ministros decidiram repassar o impasse aos embaixadores para mais deliberações.

Os estoques de petróleo dos EUA em um importante centro de armazenamento em Cushing, Oklahoma, contraíram cerca de um quarto este ano. As participações no ponto de entrega dos futuros de referência dos EUA provavelmente caíram cerca de 2,629 milhões de barris na semana até 13 de maio, disseram traders, citando dados da consultora Wood Mackenzie.

Leia também

David Vélez: ‘A maioria dos acionistas não vai vender suas ações com fim do lock-up’

Últimas BrasilPetróleo
PUBLICIDAD