Mercados

Recuperação do minério de ferro esbarra em dúvidas sobre China

Lockdowns e agravamento da crise da dívida imobiliária chinesa tiraram pilares de sustentação da commodity

Un montículo de mineral de hierro
Por Liz Ng
17 de Maio, 2022 | 08:52 AM

Bloomberg — A falta de qualquer recuperação significativa nos preços do minério de ferro, com queda de mais de 20% desde o início de março, mostra que o mercado não espera que as promessas chinesas de mais gastos com infraestrutura se concretizem tão cedo.

PUBLICIDAD

O ingrediente siderúrgico - um barômetro da saúde da maior economia da Ásia - foi atingido quando as medidas antivírus minaram a demanda do usuário final, enroscaram as cadeias de suprimentos e reduziram a produção nas usinas.

Um agravamento da crise da dívida imobiliária chinesa, importante fonte de consumo de minério, também tirou um pilar crucial de sustentação.

PUBLICIDAD

A extensão do impacto do vírus na economia da China ficou clara na segunda-feira com um conjunto desastroso de dados econômicos para abril. A meta oficial de crescimento de 5,5% para este ano parece cada vez mais irreal.

Apesar disso, o banco central manteve sua principal taxa de empréstimo inalterada, embora tenha reduzido juros de hipoteca para quem compra casa pela primeira vez.

PUBLICIDAD

O presidente Xi Jinping pediu esforços para aumentar os gastos com infraestrutura para estimular o crescimento no final de abril, mas houve poucos detalhes desde então. Pequim quer injetar dinheiro em grandes projetos de construção para resgatar a economia, mas é difícil fazer isso com parte do país sob restrições.

“O governo pode querer gastar mais dinheiro, mas eles podem fazer isso?”, disse Ian Roper, estrategista de commodities da Astris Advisory Japan. “Uma coisa é falar sobre planos de estímulo, mas outra é executá-los. Os lockdowns continuam sendo uma barreira para isso.”

Recuperação do minério de ferro é barrada pela volta do vírusdfd

Enquanto Xangai se move para relaxar seu bloqueio e as medidas antivírus parecem estar diminuindo em outras regiões, ainda há muitas partes da China que estão sob restrições. Províncias responsáveis por mais de um quinto do PIB têm áreas de risco, segundo a Bloomberg Economics.

PUBLICIDAD

O minério de ferro caiu de um pico de US$ 171 por tonelada em Singapura em 8 de março para menos de US$ 128. Isso acontece em um momento em que a construção normalmente aumenta após o inverno no hemisfério norte e ajuda na demanda.

A indústria siderúrgica da China é de longe a maior do mundo e é a maior importadora de minério de ferro, fornecido sobretudo da Austrália e do Brasil por titãs da mineração como BHP e Vale.

PUBLICIDAD

Enquanto isso, o setor imobiliário da China enfrenta uma crise de dívida desde o ano passado, após uma repressão à alavancagem excessiva.

A Sunac China Holdings, a quarta maior empreendedora do país, deu calote em um título em dólar na semana passada, culpando a queda nas vendas de casas devido aos surtos de vírus.

PUBLICIDAD

Veja mais em bloomberg.com

Leia também

Musk diz que Twitter deve provar número de bots para seguir com acordo

Últimas BrasilMinério de ferroChina
PUBLICIDAD